Relatos de concurseiro (4)

Relato de concurseiro traz a história de Natália, guerreira que superou vários obstáculos em busca dos seu sonho.

Vocês é concurseiro? Estão veio ao lugar certo.

 
Por Natalia
Nem acreditei quando vi o blog, tudo que eu precisava!Acreditei menos ainda quando vi que aceitavam colaboradores…

Pensei: quem sabe meu desabafo talvez possa ir para a sessão “ Relato de concurseiros”,  esperança e a ultima que morre.

 Resumindo o caso: sou bacharel em direito desde 2011, durante três dos cinco anos da minha faculdade fui estagiaria em delegacia, onde me apaixonei pela carreira de Delegado de Policia, mas só tinha um “pequeno” problema, eu tinha sido gordinha a minha vida toda, sedentária e fumante, portadora de parafuso no tornozelo e entre meu sonho e eu havia um TAF (e muito estudo, mas esta parte era bem mais fácil de resolver).

Conclusão: Perdi uma chance enorme, já que em 2011 o concurso de Delegado Civil da PCMG (meu estado, de onde não desejo sair, apesar de ser a pior remuneração da Policia Civil  em todo o país, vá entender!) aprovou 420 delegados, uma turma recorde! E o que mais me dói e saber que não fiz por covardia(mas Deus sabe todas as coisas, do jeito que estava na época não faria nem meia prova física)!

Mas depois de muito choro e muita raiva de mim mesma decidi que de 2014 não passa, que não iria mais abrir mão do meu sonho, e que a minha parte eu faria para mudar essa história. Resultado: parei de advogar para me dedicar integralmente aos estudos e malho 5x por semana (e o melhor: já estou a três dias sem fumar.)

Muitas vezes me bate o desanimo e a sensação de que nada disso vai dar certo, mas não me permito chorar, vou à luta. A vida é muito curta para se deixar abater.

 Sei muito bem a barra que é ser policial quanto mais delegado que a maioria dos colegas nem gosta muito (o mais gentil que já ouvi foi “vai ser decoração de delegacia?”), mas também sei que as coisas não são bem assim, afinal convivi com duas delegadas altamente operacionais em quem me espelharei se conseguir chegar lá.

Olá meus nobre guerreiro e concurseiro!

Recebi esta semana este relato incrível de uma nova amiga, nem titubeei para postar aqui. É fundamental aprendermos pelo exemplo dos outros. Isto mostra o quanto o homem é mutável e adaptável ao meio, além de demonstrar que realmente somos do tamanho dos nossos sonhos. Espero que curtam.
Obrigado Natalia e grande abraço

Comments

  1. By Anonymous

    Responder

    • Responder

  2. Responder

  3. By Anonymous

    Responder

    • Responder

  4. By Anonymous

    Responder

    • Responder

    • By Anonymous

      Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *