A gaiola de codornas

post sobre planejamento de criação de codornas

A tragédia das codornas

Tenho dois irmãos. Um deles é especialista em economia. Sabe tudo da Escola Austríaca de Economia, Curva de Laffer, Libertarianismo, ética utilitária. Só não arruma sua própria cama e nem consegue se manter sozinho sem ajuda do Poderoso Estado, leia-se, os pais. O outro é normal mesmo…

Certo dia ambos se juntaram e criaram a Codornas Ltdas – baseado em fatos reais – e fui chamado para compor o capital da empresa que surgia. A propaganda dava mais dinheiro que vender Hinode ou algum esquema de pirâmide. Achei estranho e como bom mineiro pulei fora antes mesmo de começar.

O empreendimento surgiu com força total. Em menos de um mês já tinha gaiolas, codornas adquiridas, ração, brigas com meus pais, codornas mortas por bichos do mato, codorna passando frio, calor demais, enfim, tudo que o amadorismo pode conseguir aliado a falta do que fazer.

Três meses depois a Codornas Ltdas já abriu falência, entrou em concordata e só não estampa as capas policiais de jornais face a insignificância dos envolvidos e ausência de financiamento de dinheiro público. Até houve produção, contudo, não conseguiram vender o produto e o fim foi uma guerra de ovo choco entre meu irmão e o primo dele.

A tragédia militar

Faltou preparo no caso em lide. Falta planejamento para muitos policiais conseguirem levar uma vida saudável na instituição. O exercício da função de comando leva mentes a se deteriorarem e se entregarem aos remédios, sucumbindo a pressão de um país extremamente violento e que se acostumou a colocar a culpa na polícia.

As mudanças de local de trabalho trazem instabilidade a família. A própria passagem para a reserva nem sempre é bem recebida por quem não se preparou e estava acostumado com uma vida mais agitada ou bajulada, a depender do contexto. Estes e outros exemplos são gotas que vão se juntando na carreira e culminam em mortes precoces ou quando não, levam o policial a uma vida de lamentações e tristezas.

Preparação para o fim

Prepare-se para fazer um curso na instituição, assumir um Comando. Esteja ciente das possibilidades e encare os desafios. Seja resiliente. Pense no seu futuro e na sua reserva. Ela só faz sentido se você tiver vida para vivê-la, logo, reserve saúde a você mesmo para contemplá-la.

Quaisquer que sejam suas escolhas você necessitará de preparo e saúde. E sim, o futuro não é amanhã mas começa hoje. Não deixe que sua vida seja uma gaiola de codornas nas mãos de amadores.


Curta a nossa página no FACEBOOK-QSP e também no Instagram (@queroserpolicia).

Comments

  1. By VLB

    Responder

    • By Weslley

      Responder

  2. By Clever

    Responder

  3. Responder

    • By Weslley

      Responder

  4. By Valdeci

    Responder

    • By Weslley

      Responder

  5. By Silvio Benedito

    Responder

  6. By Wendel

    Responder

    • By Weslley

      Responder

  7. By Surubim

    Responder

  8. By Isabella

    Responder

    • By Weslley

      Responder

  9. Responder

    • By Weslley

      Responder

  10. By RODINEY

    Responder

  11. By Adnilson Amaral

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *