Entrevista com o AL OF PM Isaac

Mais uma entrevista exclusiva concedida ao Quero ser Polícia. Desta vez, um grande amigo que está no curso de formação de Oficiais PM. Excelente conversa e respostas muito sinceras sobre temas polêmicos que rodeiam a corporação dos Guerreiros Militares. Confiram abaixo:

Nome: Isaac

 

Formação: Educação Física (incompleto), SD PM e agora AL OF PM

 

Atuação profissional: Academia de Polícia Militar da Bahia – Salvador

1.    O Srº já era Militar antes do ingresso na Academia? (Blog Quero ser Polícia).
Al. Of. PM Isaac: Sim, sou soldado da turma de 2008.
2.    O que o inspirou para entrar na PM? (Blog Quero ser Polícia).
Al. Of. Isaac: Inicialmente a estabilidade financeira, confesso que, como dizia no curso de soldado: “Cai de pára-quedas”.
3.    O que o Srº acha da formação dos soldados e oficiais da Polícia Militar da Bahia? (Blog Quero ser Polícia).
Al. Of. Isaac: Carente. As duas formações precisam de atenção imediata. Estamos passando por uma reformulação no sistema de segurança pública do país e acredito que os cursos de formação ainda não estão fornecendo a base estrutural para que os policiais saiam inteiramente qualificados para atuar como agentes responsáveis pela aplicação da lei.
4.    Muito se fala sobre um certo desentendimento “universal” entre Soldados e Oficiais na corporação militar. O que o Srº acha sobre fato? (Blog Quero ser Polícia).
Al. Of. Isaac: Um fato Lamentável. Não vejo possibilidades de uma corporação de qualidade se os seus participantes não entendem para que funciona a divisão hierárquica. Acredito que o grande pilar desse desentendimento é a falta de profissionalismo entre ambas as partes. Se um oficial não entende para que serve a divisão das responsabilidades dentro da instituição e, utiliza dos pilares da nossa atividade para impor a sua vontade através da patente, logicamente, só poderá obter dos praças o “respeito” imposto (acredito que isso não funciona mais). Em contrapartida, se os praças não se aceitam como profissionais e não agem dentro dos padrões que cada função exige, fica difícil conseguir desmistificar esse abismo que alguns acreditam que exista entre as duas classes.
5.    Para nós que vemos de fora, a realidade dos cursos de formação de Policiais Militares é repleta de estórias: muita ralação, maus tratos, humilhações, entre outros. Para o Srº, que já passou por uma formação militar e está passando pela segunda, estes relatos têm muito mais verdades ou mitos. Por quê? (Blog Quero ser Polícia).
Al. Of. Isaac: Muito do que se fala é verdade, porém, hoje nossa realidade nos cursos de formação é totalmente diferente. Com o advento dos Direitos Humanos os cursos precisaram se adaptar, a ralação existe e faz parte da formação, desde que seja controlada e com fins específicos. Os maus tratos e humilhações já deixaram de acontecer na intensidade de antes, infelizmente, ainda existem em alguns locais e devem ser combatidos.
6.    O Srº é feliz integrando a PMBA? Por quê?(Blog Quero ser Polícia).
Al. Of. Isaac: Sim. Como eu disse, apesar de não ter planejado entrar na carreira policial, hoje estou porque me identifico e acredito no importante papel da Polícia Militar para o sistema de segurança pública. É uma profissão difícil, mas acredito que a maioria dos policiais seriam mais feliz por fazer parte da corporação se fossem respeitados e valorizados pelo governo. Um plano de carreira para todos e um salário digno já faria uma grande diferença.
7.    Diante da sua formação em Educação Física e também na área de Segurança pública, o Srº concorda que a Bahia estará pronta, em nível de segurança, para enfrentar a realização da Copa do Mundo de Futebol em 2014? Por quê? (Blog Quero ser Polícia).
Al. Of. Isaac: Não sei se pronta é a palavra correta, mas nós (Polícia Militar) desenvolveremos o trabalho da melhor qualidade possível, como sempre fazemos. Somos referência em policiamento em grandes eventos e na Copa do Mundo não será diferente. A tropa é de qualidade e quando veste a farda dá o seu melhor. Um dia seremos reconhecidos e valorizados por esses esforços.
8.    Por fim, que dica o Srº daria para aqueles que estão querendo ingressar na Polícia Militar em algum lugar deste País? (Blog Quero ser Polícia).
Al. Of. Isaac: Garra e determinação. A profissão é difícil, mas muito gratificante. A “estabilidade financeira” é muito importante, porém, venha com vontade de fazer a diferença. Não desanimem no primeiro obstáculo, as polícias de todo o país necessita de profissionais para melhorar a realidade das corporações.
Gostaria de agradecer ao idealizador do Blog, o amigo Jordão, e parabenizar pela iniciativa. Estou à disposição e espero encontrar você e os participantes nas fileiras da corporação. Grande Abraço.

Comments

  1. Responder

  2. Responder

    • Responder

    • Responder

    • Responder

  3. By Dafne

    Responder

    • Responder

  4. By Jhana

    Responder

    • Responder

    • By Jhana

      Responder

    • Responder

  5. Responder

  6. Responder

    • Responder

  7. By Jhana

    Responder

    • Responder

    • By Jhana

      Responder

    • Responder

  8. Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *