Edital Concurso Soldado-PM Bahia 2012


Informação importante para os que estão aí na Batalha diária dos estudos à espera da abertura do Edital. Hora de apertar os cintos e revisar os conteúdos PM!!!
  • Segundo a Associação dos Praças da PM da Bahia (APPM), a corporação escolheu a Fundação Getúlio Vargas (FGV) para organizar o concurso para soldado e bombeiro militar. No entanto, até o momento, não foi possível confirmar a informação com a própria PM. Outra boa notícia para quem está se preparando para a seleção é a previsão de divulgação do edital, já para agosto. Serão 2 mil vagas para ambos os sexos, com exigência de nível médio.
  • A seleção demanda bastante estudo e preparação por parte dos candidatos, devido à grande concorrência no ingresso na área de segurança pública. Além do 2º grau, é necessário ter idade entre 18 e 30 anos, altura mínima de 1,60m para os concorrentes do sexo masculino e 1,55m para o sexo feminino, e carteira nacional de habilitação na categoria “B”.
  • O regime de contratação é o estatutário, que garante estabilidade. Os novos soldados e bombeiros receberão vencimento inicial de R$2.173 e durante o curso de formação é garantido um salário mínimo, vale- transporte e vale-alimentação.
  • O último concurso, realizado em 2005, foi organizado pela Fundação Carlos Chagas. Foram oferecidas 2.800 vagas para soldado e 400 para bombeiro. As oportunidades foram distribuídas entre as regiões de Salvador, Juazeiro, Feira de Santana, Ilhéus, Vitória da Conquista e Barreiras.
  • Cerca de 100 mil candidatos fizeram as inscrições e foram avaliados por meio de prova objetiva e discursiva. Os convocados passaram por avaliação psicológica, exames odontológicos, teste de aptidão física e investigação social. A avaliação de múltipla escolha contou com 60 questões distribuídas entre as disciplinas de Língua Portuguesa (20), Raciocínio Lógico-Quantitativo (10), História, Geografia e Atualidades (15), Noções de Direito Constitucional, Direitos Humanos e Direito Penal (15).
  • Ainda segundo o sindicato, a Bahia sofre com escassez de profissionais da área de segurança pública e o quadro da PM-BA tem defasagem de 9 mil homens. Para suprir essa necessidade, a intenção do governo do estado é realizar uma nova seleção em 2013, com mais 1.400 vagas.

Por Beatriz Doblas – beatriz.doblas@folhadirigida.com.br

Comments

  1. Responder

  2. Responder

  3. Responder

  4. Responder

  5. Responder

  6. By Mario Bertin

    Responder

  7. By Sgt Rf PM Mario Bertin

    Responder

    • Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *